EMOÇOES NO CIRCUITO DO ESTORIL COM RENAULT F1 E VITÓRIA DE MIGUEL RAMOS. AMANHÃ (DOMINGO), O ESPETÁCULO CONTINUA!

Dia de emoções fortes no Circuito do Estoril, com as exibições dos Renault F1 a rivalizarem com a vitória do português Miguel Ramos na corrida do Renault Sport Trophy. Menos feliz foi Pedro Moleiro, obrigado a desistir na volta inicial, enquanto Henrique Chaves foi o 17º classificado da corrida da Fórmula Renault 2.0, depois de ter sido vítima de desentendimentos com adversários. Amanhã, domingo, continua o espetáculo: mais exibições Renault F1, três corridas e muitos outros motivos de interesse também fora da pista. Pretextos suficientes para justificar a presença de milhares de espetadores, até porque a chuva não promete fazer a sua aparição.

DOMINGO DE EMOÇÕES EM PERSPETIVA!

Amanhã (domingo) todos os caminhos vão dar ao Circuito do Estoril e a culpa é (também) da derradeira jornada do Renault Sport Series que, este ano, integra o programa do European Le Mans Series. As exibições dos Renault F1, as três corridas do Renault Sport R.S. 01 e da Fórmula Renault 2.0 prometem levar ao rubro os muitos milhares de espetadores que são esperados durante o dia. Emoções em pista, mas também fora dela. Com efeito, não faltam muitas outras atrações, como: “Pit Stop Challenge”, “Freestyl’Air Show”, sessões de autógrafos, “merchandising”, exposição Renault Sport e, ainda, a estreia nacional dos novos Twingo GT, Kadjar e Grand Scénic. Ou seja, uma festa para todas as idades e “feitios”!

VITÓRIA DE MIGUEL RAMOS NO RENAULT SPORT TROPHY

Apesar da chuva ter feito a sua aparição durante o dia de hoje (sábado), alguns milhares de espetadores fizeram questão de estar presentes, assistindo a um bom espetáculo nas corridas inaugurais do Renault Sport Trophy e da Fórmula Renault 2.0.

No Renault Sport Trophy, o português Miguel Ramos conseguiu mesmo levantar todo o público presente na bancada principal do Circuito do Estoril, ao averbar uma soberba vitória, no primeiro triunfo de um português na competição disputada com os espetaculares Renault Sport R.S. 01, capazes de atingir velocidades superiores aos 300 km/h!

Com a moral elevada por “jogar em casa”, o piloto portuense, que fez equipa com o holandês Steijn Schothorst na Equipa Verschuur, conseguiu bater todos os adversários, confessando, no final: “Foi uma vitória fantástica e estou felicíssimo por ter acontecido em Portugal! Mas também foi muito duro, porque o meu companheiro de equipa perdeu a grande vantagem que conseguiu inicialmente com a entrada do ‘Safety Car’. Quando entrei para a pista, não tinha o mesmo ritmo dos adversários e até acabei por ser ultrapassado. Com um esforço enorme, consegui, contudo, regressar ao primeiro lugar e selar o triunfo, definitivamente, nas últimas voltas!”

Menos sorte teve Pedro Moleiro, o outro piloto português presente na competição. O piloto da equipa Oregon Team ficou fora de prova ainda na primeira volta, quando um problema com os travões, por deficiente montagem de uma roda,  fez com que não evitasse um toque num adversário. Com a dianteira do Renault Sport RS 0.1. danificada, Pedro Moleiro foi obrigado a rumar mais cedo e definitivamente para a box.

HENRIQUE CHAVES INFELIZ NA FÓRMULA RENAULT 2.0

Na Fórmula Renault 2.0, a histórica competição monomarca que já ajudou a levar nomes como Lewis Hamilton, Kimi Raikkonen, Daniel Ricciardo e Felipe Massa à F1, não foi particularmente favorável para as cores portuguesas, com Henrique Chaves a quedar-se pela 17ª posição final, depois de ver a sua prova estragada por dois toques de adversários. Apesar do desalento, o jovem piloto mantém, todavia, a confiança para a segunda corrida, que amanhã se disputa pelas 10h50, ao referir que “amanhã vou tentar evidenciar-me, com o sempre importante apoio do público português, já que hoje, não pude fazer nada depois de me atirarem duas vezes para fora da pista, quando acho que tinha ritmo para rodar entre os cinco primeiros”.

Associada à por demais evidente imprevisibilidade de resultados desta competitiva fórmula ficou a vitória absoluta de Will Palmer, que triunfou graças a um desentendimento na última volta entre o já campeão Lando Norris e o belga Max Defourny.

 

Contacto Assessora de Imprensa: Ana Gil: +351 21 836 10 12

Sites Internet: www.renault.pt – www.media.renault.com