Miguel Arraiolos junta-se a João Pereira e João Silva nos Jogos Olímpicos do Rio

  • FEDERAÇÃO INTERNACIONAL (ITU) CONFIRMA APURAMENTO HISTÓRICO DO TERCEIRO ATLETA PORTUGUÊS

A Federação Internacional de Triatlo (ITU) confirmou hoje o apuramento de Miguel Arraiolos para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

O atleta de Alpiarça junta-se a João Pereira, outro estreante olímpico e a João Silva (9º classificado nos Jogos Olímpicos de Londres 2012) numa representação inédita do triatlo português, que nunca teve três atletas na prova masculina dos Jogos Olímpicos.

Miguel Arraiolos, que após uma última prova no Japão, sábado passado, aguardava ainda a confirmação oficial da sua vaga olímpica, não esconde a emoção.

“Esta qualificação não é um trabalho destes últimos dois anos. Para mim, esta qualificação começou há 10 anos, com o meu primeiro grupo de treino, com as pessoas que sempre me acompanharam nesta luta, com a minha família. Agora, só quero partilhar este momento com todos os que me apoiaram desde sempre. Mas este é o primeiro objectivo e agora vêm os próximos, nomeadamente, fazer o meu melhor nos Jogos.”

o presidente da Federação de Triatlo de Portugal também já reagiu à informação oficial da ITU. “O Miguel Arraiolos está de parabéns, tal como o João Pereira e o João Silva”, começou por dizer, Fernando Feijão sublinhando o feito histórico para a modalidade e o sinal inequívoco do desenvolvimento da mesma:

“O apuramento olímpico destes três atletas, sem esquecer o magnífico trabalho da Melanie Santos, de quem esperamos muito para as próximas Olimpíadas, mostra bem a qualidade do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido por todos, os técnicos, os próprios atletas e a estrutura que os apoia, dos clubes à Federação. O Triatlo em Portugal já não é só uma modalidade que vive de fenómenos de excelência, mas de todo um trabalho sustentado cujos frutos vemos mais evidenciados de quatro em quatro anos, mas que não se esgotam nos Olímpicos.”

Fernando Feijão lembrou que no final deste mês, o triatlo nacional vive mais um momento alto da sua história com a organização do Campeonato da Europa, em Lisboa (Médis 2016 Lisbon ETU European Championship) que será mais um atestado do crescimento da modalidade:

“O Campeonato da Europa que organizamos em Lisboa daqui a pouco mais de uma semana será uma oportunidade excepcional de mostrar que temos mais valores a despontar na modalidade. Que não são só os nossos olímpicos, mas toda uma vaga de novos atletas que abraçam o triatlo como a sua modalidade de eleição. É desse filão que nascem estes sucessos mas, mais do que isso, esse filão é, por si mesmo, o nosso sucesso.”