Ministro Pedro Siza Vieira e Secretária de Estado do Turismo Ana Godinho vão participar em cimeira internacional promovida pelas Aldeias Históricas de Portugal

  • Pedro Siza Vieira (Ministro Adjunto e da Economia) e Ana Mendes Godinho (Secretária de Estado do Turismo) responderam ao convite das Aldeias Históricas de Portugal e vão estar presentes na cimeira “International Summit: Cultural Sustainable Destinations without Borders”. A iniciativa vai realizar-se nos dias 15 e 16 de novembro, na magnífica Sé Catedral da Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha.

Data: 12/11/18

Estão confirmadas as presenças do Ministro Adjunto e da Economia, bem como da Secretária de Estado do Turismo, na “International Summit: Cultural Sustainable Destinations without Borders”. Uma cimeira inédita de turismo promovida pela Associação Aldeias Históricas de Portugal, que tem como objetivo sensibilizar para a necessidade de uma política comum, à escala global, direcionada para áreas geográficas alternativas aos destinos de massas. A proposta, lançada na histórica Sé Catedral de Idanha-a-Velha, vai também promover um debate sobre a classificação deste tipo de destinos e a sua própria denominação – “Destinos Turísticos Alternativos”.

Na próximo dia 15 de novembro, dia da abertura da cimeira “International Summit: Cultural Sustainable Destinations without Borders”, a Secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, participa na cerimónia de assinatura do contrato da candidatura do Turismo Acessível, por parte da entidade turística promotora do evento, a Associação Aldeias Históricas de Portugal.

No dia seguinte, 16 de novembro, cabe a Pedro Siza Vieira, Ministro Adjunto e da Economia, a entrega do certificado BIOSPHERE DESTINATION à Rede de Aldeias Históricas de Portugal. Esta certificação, estratégica para o território das Aldeias Históricas de Portugal, prova o esforço da associação em assegurar um conjunto de boas práticas de sustentabilidade na gestão do Destino Turístico, alinhadas com as orientações da UNESCO e da Carta Mundial de Turismo Sustentável de 2015.

A cimeira, que decorre nos dias 15 e 16 de novembro, na Aldeia Histórica de Idanha-a-Velha, conta também com a presença de oradores especialistas de todo o mundo, como Peter Shackleford, assessor da UNWTO-World Tourism Organization; Tomás Azcárate, chairman do Instituto de Turismo Responsável; Lyublena Dimova, Research Project Manager da Comissão Europeia para o Turismo; Alexei Borisov, Secretário Geral da United Nations Association of Russia; Luigi Cabrini, chairman do Global Sustainable Tourism Council (GSTC) e Leandro de Lemos, Secretário de Desenvolvimento Económico da Prefeitura Municipal de Porto Alegre, entre outros convidados.

A cimeira “International Summit: Cultural Sustainable Destinations without Borders” é financiada pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), através dos programas Centro 2020 (Programa Operacional Regional do Centro), via Portugal 2020, bem como do Programa de Valorização Económica de Recursos Endógenos (PROVERE).

As Aldeias Históricas de Portugal:
Perdidas entre montes e vales da verdejante paisagem do interior de Portugal, repletas de lendas e castelos, sabores e tradições, há 12 aldeias únicas onde apetece perdermo-nos, para nunca mais nos encontrarmos. Almeida, Belmonte, Castelo Mendo, Castelo Novo, Castelo Rodrigo, Idanha-a-Velha, Linhares da Beira, Marialva, Monsanto, Piódão, Sortelha e Trancoso. As Aldeias Históricas de Portugal são paraísos escondidos que nos levam numa viagem ao tempo de reis e rainhas, épicas e infinitas batalhas que escreveram a História como a conhecemos hoje. Viajar até às Aldeias Históricas de Portugal é, assim, descobrir a História de um país de audazes conquistadores, através das pedras das suas calçadas e das suas frondosas muralhas e castelos, orgulhosa e imponentemente erguidos.

Para mais informações sobre a cimeira ou para efeitos de inscrição, por favor consulte este link: www.responsibletourisminstitute.com/en/event/aldeias

Deixe uma resposta